Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2016

QUAL O VERDADEIRO SIGNIFICADO DOS CONTOS DE FADA

Qual o verdadeiro significado dos contos de fadas?Hephzibah AndersonDa BBC Culture
6 janeiro 2015 Era uma vez um estúdio de animação chamado Walt Disney Company, que lançou um feitiço que o permitiu assumir o controle do reino dos contos de fadas e se tornar uma corporação de mídia multinacional maior que o pé-de-feijão de João. Desde então, gerações de crianças de todo o mundo cresceram assistindo a versões animadas de histórias que durante séculos não estavam nem no papel, e muito menos vinham acompanhadas de uma infinidade de brinquedos caros. Malévola, a mais recente aposta da Disney na caixa registradora das bilheterias, tenta recuperar o lado negro da história da Bela Adormecida. Com um orçamento de mais de US$ 175 milhões, o filme traz Angelina Jolie no papel da fada má cuja perversidade é realçada por chifres, vestidos vampirescos e bochechas pontiagudas. A narrativa é contada sob o ponto de vista dessa sedutora anti-heroína, e descreve como um coração puro se transformou em pedra…

CONTOS DE FADA TÊM ORIGEM PRÉ-HISTÓRICA,DIZ PESQUISA

Image copyrightPAImage captionA história "A Bela e e Fera" tem cerca de 4 mil anos de idade, aponta nova pesquisaContos de fadas têm origem pré-histórica, diz pesquisa20 janeiro 2016 Contos de fadas como A Bela e a Fera podem ter milhares de anos, segundo pesquisadores de universidades em Durham, na Inglaterra, e em Lisboa, em Portugal. Empregando técnicas mais comuns a biólogos, os acadêmicos investigaram as ligações entre diferentes histórias pelo mundo e descobriram que algumas possuem raízes pré-históricas.
Alguns contos, segundo a investigação, são mais velhos do que os registros literários mais antigos – um deles remonta à Idade do Bronze (iniciada por volta do ano 3000 a.C.). Em geral, acreditava-se que essas histórias datassem dos séculos 16 e 17. Contos compartilhadosNo século 19, os irmãos Grimm – Jacob (1785-1863) e Wilhelm (1786-1859) – acreditavam que muitos dos contos de fadas que eles ajudaram a popularizar tivessem raízes em uma história cultural compartilhada que…